Empresários e contabilista de Paredes acusados de fraude com fundos europeus

Publicado em Publicado por: O Paredense

Dois gerentes de empresas e um contabilista de Paredes estão a ser acusados pelo Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) da Comarca do Porto-Este de fraudes envolvendo fundos comunitários.

As autoridades acreditam que os gerentes “elaboraram um esquema de natureza empresarial”, em conluio com o contabilista, que visava a “obtenção, dissimulação e apropriação de avultadíssimas quantias monetárias, para si, para as empresas que geriam e para terceiros consigo relacionados”, “à custa da obtenção de fundos comunitários”.

Segundo o DIAP, o esquema envolvia também a “utilização de faturas, documentos e informações onde fizeram constar dizeres falsos por forma a obterem um enriquecimento ilegítimo, ludibriando desta forma a autoridade tributária e as entidades responsáveis pela concessão dos referidos fundos comunitários”.

A notícia completa na edição de 9 de setembro de 2021. Aceda à edição online aqui.