Concluído processo de remoção de amianto nas escolas de Paredes

Publicado em Publicado por: O Paredense
Foto: CM Paredes.

A câmara de Paredes concluiu o processo de remoção de amianto das escolas do concelho. Depois das intervenções no Jardim de Infância de S. Marcos, em Rebordosa, Escola Básica de Cristelo e na Escola Básica e Secundária de Vilela, foi retirado o amianto na Escola Básica e Secundária de Sobreira e na Escola Secundária Daniel Faria, em Baltar, avança a autarquia em nota de imprensa.

As intervenções contemplaram a remoção dos painéis da cobertura dos edifícios, em fibrocimento, sendo aplicados novos painéis sandwich com isolamento térmico, num investimento superior a 354 mil euros.

O presidente da câmara, Alexandre Almeida, fala de “uma intervenção prioritária na salvaguarda da saúde e da segurança na comunidade escolar”.

“Este investimento é essencial também para a melhoria do conforto térmico dos equipamentos escolares”, frisa o autarca.

A autarquia garante ainda que os trabalhos foram executados por equipas especializadas na remoção de amianto, acautelando que as intervenções decorressem sem a presença no edifício escolar de alunos, professores, auxiliares e pessoal administrativo.  

“A nossa preocupação foi sempre garantir que as obras fossem programadas e executadas nas interrupções letivas, de modo a decorrerem em total segurança e sem a presença da comunidade escolar”, acrescentou Alexandre Almeida.

Os projetos foram aprovados pelo Norte 2020 e contam com financiamento através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Foto: CM Paredes.