Casa do Pessoal do Hospital Padre Américo homenageou sócios fundadores no 40.º aniversário

Publicado em Publicado por: O Paredense
Foto: DR.

A Casa do Pessoal do Hospital Padre Américo – Vale do Sousa celebrou 40 anos de atividade com uma sessão solene comemorativa de homenagem aos sócios fundadores e profissionais do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa.

A sessão solene teve lugar no auditório do hospital, onde os associados fundadores da Casa do Pessoal do Hospital Padre Américo – Vale do Sousa foram homenageados e, de modo a reconhecer o excepcional empenho e dedicação junto da Comunidade, foi entregue o símbolo “Gratidão” aos profissionais do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa.

Devido às restrições impostas pela pandemia, a cerimónia foi breve, restrita e transmitida online para tentar mitigar qualquer risco de transmissão. “Todas as medidas de segurança obrigatórias foram respeitadas”, frisa a Casa do Pessoal em nota de imprensa.

“É uma forma que os Órgãos Sociais da Casa do Pessoal têm de prestar reconhecimento por toda a dedicação aos profissionais e associados, em especial aos que fundaram esta instituição”, enalteceu Fernando Vieira, presidente da Casa do Pessoal citado na mesma nota.

A Casa do Pessoal do Hospital Padre Américo – Vale do Sousa, foi fundada a 26 de maio de 1981, no antigo Hospital de Penafiel que na altura englobava, juntamente com o Hospital de Paredes, o Centro Hospitalar do Vale do Sousa.

Foto: DR.

Quanto ao futuro, a instituição prevê “tempos exigentes” e, por isso, “têm que se abrir horizontes” e passar a “estar preparada para poder ajudar a comunidade associativa”, com respostas de apoio social.

Atualmente, a Casa do Pessoal do Hospital Padre Américo – Vale do Sousa está a prestar apoio direto a associados na aquisição de medicamentos, artigos alimentares, bens de primeira necessidade e outras situações emergentes que são reportadas pelos associados.

Durante a manhã foi colocado um centro de flores junto à estátua de Padre Américo, patrono do hospital em Penafiel e da Casa do Pessoal, seguindo-se uma eucarística. Foi ainda descerrada uma placa comemorativa do aniversário e atribuído ao espaço de exposições e eventos da Casa do Pessoal, o nome de Maria de Lurdes Cabral da Silva Peixoto Madureira, primeira presidente da instituição, hoje com 86 anos de idade.