Vitória dá liderança isolada

Publicado em Publicado por: O Paredense

Foto: arquivo

Texto escrito por Cristina Borges.

O Rebordosa continua sem perder na caminha 2019/2020 da Divisão Elite. No encontro da 12ª jornada, a equipa de Paredes recebeu e venceu o Barrosas (ex equipa de Tonanha) por 3 – 1.

Apesar da vitória, a primeira parte não correu de feição aos homens da casa, que se viram em desvantagem a partir do minuto 20 com o golo de Carlão. As linhas baixas do Barrosas e o estado do terreno não facilitaram a tarefa dos rebordosenses que se tornou ainda mais complicada com o desperdício de duas grandes penalidades. Na primeira, Chico defendeu o remate de Sousa, mas na sequência do lance, o guardião barrosense voltou a cometer novo penálti. E, quando ninguém esperava, Chico voltou a levar a melhor, desta vez, sob o remate de Edu.

O Barrosas foi para o intervalo “com a moral em alta”, mas não aguentou a pressão caseira no segundo tempo. Com algumas mudanças na equipa, a turma de Tonanha entrou mais forte e determinada na segunda parte. Aos 60 minutos, Tiaguinho empatou a partida com uma recarga à entrada da área e, aos 67, Migas protagonizou a reviravolta no marcador com um remate colocado que só parou no fundo da baliza do Barrosas.

O Rebordosa aproveitou “a quebra física” dos visitantes e conseguiu chegar ao terceiro através de Ricardo Teixeira, que surgiu isolado após uma jogada de contra-ataque.

A vitória permite aos rebordosenses seguirem isolados na dianteira, com 24 pontos, aumentando para três a distância para o 2º classificado. O Barrosas está na 14ª posição, com oito pontos, os mesmos que a primeira equipa que está na zona de despromoção, o Lousada.

No final do jogo, Tonanha assumia: “Não foi um jogo fácil. Não entrámos bem no encontro, o adversário tinha as linhas baixas e isso criou-nos alguma dificuldade, no entanto, ainda tivemos ocasiões para chegar ao intervalo com outro resultado. Na segunda parte conseguimos retificar, entrámos com outra atitude, mais dinâmicos e mais agressivos e podíamos inclusive ter feito mais golos, acabando por justificar a vitória”. O técnico rebordosense acrescentava: “Não há jogos fáceis, independentemente, da classificação do adversário e o Barrosas não é exceção disso, porque tem o seu valor. Também temos culpa da dificuldade do jogo, mas o adversário tem o seu mérito”.

Sobre a liderança isolada, Tonanha explica o significado: “Temos de trabalhar ainda mais, porque é difícil chegar ao topo mas é ainda mais mantermo-nos lá. Por isso, temos de trabalhar muito mais para chegarmos ao fim do campeonato nos dois primeiros lugares, que é esse o objetivo”.

Share This: