Utente da Misericórdia de Paredes comemorou 100 anos de vida

Publicado em Publicado por: O Paredense
Facebook da Santa Casa da Misericórdia de Paredes.

A Santa Casa da Misericórdia de Paredes comemorou, no passado dia 9, os 100 anos de vida de Josefina Silva, a utente do Lar Elias Moreira Neto com mais idade.

O aniversário foi comemorado de forma simples, devido às limitações impostas pela pandemia. Alguns familiares estiveram presentes para cantar os parabéns, mas só o puderam fazer do lado de fora da portaria.

“Colocamos bolo e champanhe, estabelecemos ligação telefónica e cantamos nós os parabéns no interior e a família do lado de fora da portaria. A dona Josefina comeu o bolo com satisfação”, garantiu Susana Pelota, assistente social da instituição.

Apesar de já depender de terceiros e ter grandes dificuldades de audição Josefina Silva não apresenta grandes problemas de saúde e toma “pouquíssima medicação”.

Nascida em Silveiras, freguesia de Beire, concelho de Paredes, a 9 de outubro de 1920, foi tecedeira e teve uma mercearia em Cristelo. Casou aos 19 anos, tendo três filhos, um já falecido.

Em 1957 veio viver para Paredes, na rua ao fundo da Misericórdia, passando a dedicar-se às tarefas do lar e aos filhos. Em 1965 mudou-se para Santeais para casa de uma irmã, mas voltou a Paredes seis anos mais tarde, passando a viver em casa própria situada no Monte da Passagem.

A notícia completa na edição em papel de 15 de outubro de 2020 ou na edição online.

Share This: