Sobreirense sagra-se campeão da 2ª Divisão Distrital

Publicado em Publicado por: O Paredense

Texto escrito por Cristina Borges.

O sorteio ditou o encontro entre primeiro e último classificado da 2ª Divisão Distrital, na última jornada da prova. Para o Sobreirense, a partida era de extrema importância, já que a vitória garantia o título de campeão de série; já, para o Figueiró, o resultado do encontro em nada alterava o lugar de último classificado.

Num dia em que os adeptos compareceram “em massa” no Complexo Desportivo do Sobreirense, os homens da casa não queriam desperdiçar a hipótese de festejar o título de campeão e entraram fortes na partida. Logo, aos cinco minutos do encontro, Guedes fez um 1 – 0, com um remate dentro da área. Mas, o Sobreirense não estava disposto a desacelerar e não demorou muito tempo até ampliar a vantagem. Moreira fez o “gosto ao pé” e, num “tiro” fora de área, aumentou a superioridade no marcador.

Apesar da desvantagem de dois golos, o Figueiró não se deu por vencido e conseguiu reduzir para 2 – 1, à passagem do minuto 11.

O golo “despertou” os visitantes, mas foram os comandados de Renato Guimarães que voltaram a ameaçar. Numa primeira tentativa, Filipe Guimarães atirou a rasar a barra, na segunda oportunidade, foi Miguel Barbosa a mandar por cima.

O desperdício dos sobreirenses contrastou com a eficácia dos pacenses, que conseguiram empatar o encontro, ainda antes do intervalo. Aos 27 minutos, o árbitro assinalou grande penalidade para o Figueiró, na conversão, Hélder não desperdiçou e estabeleceu a igualdade antes do período de descanso.

O segundo tempo começou, praticamente, com uma evidente oportunidade para o Sobreirense se colocar novamente em vantagem, mas o remate de Guedes bateu no poste. Falhou à primeira, não desperdiçou à segunda, o camisola do 18 do conjunto da casa colocou, novamente, os sobreirenses na frente do marcador.

Guedes estava numa tarde bastante inspirada e conseguiu fazer o poker, concretizando mais dois golos, aos 60 e 62 minutos.

Antes do fim da partida, houve ainda tempo para Moreira também voltar a marcar. O defesa do emblema caseiro fixou o resultado final em 6 – 2, com um belo golo de livre direto.

Já sob um clima de grande euforia e emoção, os adeptos invadiram o campo assim que o árbitro apitou para o fim do encontro. Apoiantes, jogadores, equipa técnica e direção festejaram efusivamente o título de campeão da 2ª Divisão Distrital, Série 1, da F Porto e a subida de divisão.

Apesar da festa, que durou noite dentro, destaque para a lesão de Rui Liedson, que teve de ser transportado para o hospital, já no final da partida.

Share This: