Projeto “Orpheu Paredes Social” pode desenvolver-se ao longo do ano

Publicado em Publicado por: O Paredense

Fotos: CM Paredes

A segunda edição do “Orpheu Paredes Social” decorre ao longo de todo o mês de agosto em Lordelo, Paredes e Rebordosa e abrange cerca de 80 crianças e jovens do concelho.

A iniciativa pretende estimular o gosto pela cultura, assim como, a inclusão social, de forma sociocultural, orientada para o seu desenvolvimento integral. O projeto usufrui de várias oficinas artísticas nas áreas das artes plásticas, dança e música.

Fotos: CM Paredes

Um projeto voltado para a cultura e ação social e, por isso mesmo, contou, na terça-feira, 13 de agosto, com a presença da vereadora desse mesmo pelouro, Beatriz Meireles. A autarca acompanhou os trabalhos nas várias oficinas e confirmou que “esta iniciativa está a produzir enormes resultados, pelo que o passo seguinte será a tentativa de estender esta ação ao longo do ano”.

Fotos: CM Paredes

O “Orpheu Paredes Social” tem como missão a integração social e a ocupação dos tempos livres das crianças, dos 6 aos 12 anos, divididas por grupos de 15 crianças. Cada grupo participa nas atividades durante duas semanas.

As atividades são gratuitas oficinas e decorrem em diferentes locais do concelho. Em Lordelo, acontecem nas instalações do Centro Socioeducativo de Parteira; em Rebordosa, na Associação Rebord’Art, e em Paredes, no Conservatório de Dança do Vale do Sousa.

Share This: