Polémica com 2.262 euros gastos em bilhetes para exposição de Leonardo Da Vinci

Publicado em Publicado por: O Paredense
A questão foi levantada pelo vereador do PSD Rui Moutinho

A questão foi levantada pelo vereador do PSD Rui Moutinho

A última reunião de câmara ficou também marcada por uma discussão acesa sobre os bilhetes adquiridos pelo município de Paredes para a edição de 2017 do Rally de Portugal. A discussão instalou-se depois do vereador do PSD Rui Moutinho ter questionado o executivo sobre um encargo de 2.262 euros pago pelo município com a aquisição de bilhetes para a exposição “Leonardo Da Vinci – as invenções do Génio”.

Rui Moutinho quis saber quantos bilhetes foram adquiridos e a quem se destinaram. “Não lhe sei dizer quem é que foi ao Leonardo Da Vinci, mas tenho documentos que mostram quantos bilhetes do Rally de Portugal receberam os elementos da Comissão Política do PSD e os senhores vereadores”, atirou Paulo Silva em resposta.

Manuel Fernando Rocha exaltou-se e negou ter recebido qualquer bilhete do Rally de Portugal.

“Aquilo que pedimos aos senhores vereadores do PSD é seriedade. Não vale a pena virem com críticas para apanhar pequeninos defeitos porque há muitos defeitos que vocês deviam ter assumido e não o fizeram”, reiterou Paulo Silva.

Alexandre Almeida lembrou que a referida exposição decorreu entre março e julho do ano passado e que apenas deu ordem para pagar uma fatura que já estava visada pelo anterior presidente.

 

Leia a notícia completa na edição online de 8 de março de 2018 ou subscreva a edição online.

Share This: