Penafiel pede suspensão das portagens na A4 até ao final do ano

Publicado em Publicado por: O Paredense
Foto: DR

Foto: DR

O município de Penafiel escreveu ao Primeiro-ministro, António Costa, a pedir a suspensão imediata das portagens na A4 para as viaturas comerciais de forma a atenuar o impacto da pandemia da Covid-19 na economia local.

Em comunicado, a autarquia refere que o pedido enviado ao Governo contempla a implementação de outras três medidas de “grande importância”, que podem dar uma resposta, ainda mais completa, aos penafidelenses em tempos difíceis.

A câmara pede que o Governo dê indicações ao IHRU (Instituto de Habitação e Reabilitação Urbana) para que as 30 casas que estão  desocupadas em Novelas, no complexo habitacional Fernanda Ribeiro,  sejam, de imediato, disponibilizadas para o mercado de arrendamento social.

O município pede ainda que as taxas de Gestão de Resíduos (TGR) e de Gestão de Recursos Hídricos (TGRH) sejam suspensas até ao final do ano, abrangendo todos os agregados familiares e empresas e que o Fundo Social Municipal seja reforçado em montante nunca inferior a 30%, para que “o município possa fazer face ao exponencial aumento dos apoios sociais, que se prevê venham a ser necessários para apoiar os mais desfavorecidos”.

Em comunicado, a autarquia recorda que já foram lançadas 25 medidas para apoiar as famílias e empresas. “Sabemos bem que esta é uma crise com consequências para as famílias e para a economia. Em Penafiel, o Município fez e continuará a fazer a sua parte para proteger a saúde dos penafidelense, apoiar as famílias e defender a economia local. Mas precisa de ajuda noutras áreas, que são da competência do governo. Por isso este apelo, que quero crer será bem acolhido pelo Primeiro-ministro, para que juntos possamos criar todas as condições para ajudar as pessoas a terem mais condições para enfrentar crise,” refere o presidente da câmara, citado no comunicado.

Share This: