Pena máxima para condutor que atropelou mortalmente duas pessoas em Rebordosa

Publicado em Publicado por: O Paredense
Foto: Paulo Pinheiro
Foto: Paulo Pinheiro.

O homem que atropelou mortalmente dois motard’s do Moto Clube de Rebordosa foi condenado pelo Tribunal e Penafiel a 25 anos de prisão.

José Pinto atropelou em fevereiro do ano passado cinco pessoas, após um desentendimento numa festa organizada pela instituição.

Pedro Leal, de 36 anos, conhecido por “Espanhol” e José Nogueira, de 30 anos, ambos casados e com filhos, não resistiram aos ferimentos e acabaram por falecer.

Outras três pessoas ficaram feridas. O homem de 42 anos, natural de Rebordosa mas emigrante em Inglaterra levava o filho menor no carro quando cometeu os crimes. Estava acusado de vários crimes de homicídio consumado e tentado, ofensas à integridade física, dano e condução perigosa.

A notícia completa na próxima edição de 28 de maio.

Share This: