Paredes vai contestar jogo da Taça de Portugal

Publicado em Publicado por: O Paredense
Foto: DR

Foto: DR

O União Sport Clube de Paredes vai contestar o jogo da 1.ª eliminatória da Taça de Portugal, contra o Valadares, que perdeu no desempate das grandes penalidades (4-2).

A decisão prende-se com o facto de o árbitro da partida não ter permitido que as equipas fizessem a quarta substituição durante o prolongamento da partida, disputada no último domingo.

Nos restantes jogos desta primeira eliminatória que foram a prolongamento a quarta substituição foi permitida e por isso o Paredes entendeu protestar o jogo.

O diretor desportivo Joaquim Ferraz diz que o Paredes se deparou com alguns erros grosseiros do foro técnico por parte do árbitro, e por isso o departamento jurídico do clube já está a preparar o dossier para ser entregue na Federação Portuguesa de Futebol e na Associação de Futebol do Porto.

 

Leia a notícia completa na próxima edição do jornal de 20 de setembro.

Share This: