Mais de mil avós comemoraram o seu dia no Parque do Rio Ferreira

Publicado em Publicado por: O Paredense

Paredes assinalou, esta sexta-feira, o Dia dos Avós com uma festa no Parque do Rio Ferreira, em Rebordosa, para todos os avós do concelho, netos e até famílias. A iniciativa organizada pelo município de Paredes em parceria com a junta de Rebordosa e a Associação para Desenvolvimento de Rebordosa proporcionou diversas atividades ao longo do dia, alegria e boa disposição.

Dino de Meira, 82 anos, com o seu livro de poemas

Dino de Meira, 82 anos, com o seu livro de poemas

A manhã foi dedicada à prática de atividade física e uma caminhada. Durante a tarde houve demonstrações de atividades manuais, costura e bordados de atelier, rastreios gratuitos e ainda insufláveis e pinturas faciais para os mais novos. E também houve oportunidade para dar um pé de dança ao som do bailarico de Renato Guimarães, um artista da terra.

Dino de Mieira, de 82 anos, veio pela segunda vez comemorar o dia dos avós e teve a oportunidade de subir ao palco para ler algumas das suas poesias. “Já estive em vários sítios e disseram-me que devia ir à Praça da Alegria mostrar estes meus poemas”, diz com orgulho o octogenário de Recarei, enquanto espera para subir ao palco.

Maria Cruz, Maria Elísia, Maria Angélica e Margarida

Maria Cruz, Maria Elísia, Maria Angélica e Margarida

Longe do bailarico ficou Maria Cruz, que preferiu estar sentada a conversar com algumas colegas. “Os netos não quiseram vir. Passam pouco tempo há minha beira, mas tenho mais orgulho neles do que nos filhos. São tudo para mim”, conta a mulher de Vilela, que tem 7 filhos e 11 netos.

Ao lado, Margarida, 73 anos, de Sobreira, conta que tem 9 netos e três bisnetos, mas quase todos vivem no estrangeiro. “Só tenho cá uma, mas infelizmente não somos muito próximas”, lamenta. Ainda assim, Margarida aproveita o dia para conviver com as amigas. “Venho a todas as festas. E acho mesmo que isto é bom para tirar as pessoas de casa. Enquanto tiver saúde vou continuar a vir”, promete.

Também da Sobreira veio Maria Angélica, de 74 anos. “Tenho uma filha e dois netos, um com 19 e outro com 9 anos. São a luz dos meus olhos. O mais velho já anda na faculdade, mas foi criado por mim, assim como o irmão. Como eles não quiseram vir, eu vim passar um dia diferente com estas vizinhas”.

Adélia Pinto com a neta Maria, de 10 anos

Adélia Pinto com a neta Maria, de 10 anos

O mesmo fez Maria Elísia, de 82 anos, que tem nove bisnetos. “Gosto de vir pelo convívio. É importante fazerem estas festas para nos entretermos”, conta.

Quem trouxe a neta à festa foi Adélia Pinto, de 75 anos. “Como ela está de férias quis vir comigo e eu aproveitei para rever algumas amigas”, sublinha a rebordosense, agarrada à pequena Maria, de 10 anos, que decidiu passar o dia com a avó “É um dia diferente e importante para todos os avós e eu quis passa-lo com a minha”, sublinhou Maria, antes de subir ao palco para cantar um fado.

Associação de Apoio à Terceira Idade de Beire

Associação de Apoio à Terceira Idade de Beire

No Dia dos Avós participaram várias freguesias e IPSS’s do concelho. A acompanhar os 25 idosos da Associação de Apoio à Terceira Idade de Beire esteve o presidente Abel Sousa que elogia a iniciativa. “Tudo o que sirva para tirar os nossos idosos do centro é uma mais-valia. Eles precisam de se animar e distrair e isto é o melhor que pode haver. Eu também sou avô e penso que o dia é importante para reforçar os laços entre avós e netos”, sublinha o dirigente.

“Se há escalão etário onde se organizam vários eventos é este”

Pelo segundo ano consecutivo o Dia dos Avós foi comemorado em Rebordosa, em parceria com a junta de freguesia e Salomé Santos defende a importância deste tipo de atividades para promover o convívio entre os mais velhos e os mais novos. “É muito importante fomentar o convívio entre os mais idosos e promover atividades como esta que permitem também a partilha de experiências com os netos”, sublinhou a autarca de Rebordosa, defendendo que os avós têm um papel cada vez mais importante na economia familiar e na educação dos netos.

O município de Paredes tem promovido ao longo do ano diversos eventos direcioados para a terceira idade e o Dia dos Avós é mais uma oportunidade para promover o convívio entre os mais velhos.

“Em Paredes o dia dos avós é quase todos os dias. Porque se há escalão etário onde se organizam vários eventos é este”, sublinhou o presidente da câmara, Alexandre Almeida, destacando as iniciativas promovidas no São João, no Natal e na Primavera junto da comunidade sénior do concelho.

O evento será para manter nos próximos anos, devendo passar por várias freguesias do concelho. “No próximo ano, vamos aproveitar que temos o novo parque de lazer de Louredo para receber lá os avós e depois quem sabe seja em Cete no parque de lazer que entretanto vamos construir”.

Share This: