Gandra “cai” nas grandes penalidades

Publicado em Publicado por: O Paredense

Texto de Cristina Borges.

Os gandarenses queriam a “desforra” da final da Taça da época anterior, que perderam precisamente frente ao Vilarinho. Motivados para ultrapassar o emblema “que lhes roubou o caneco” na temporada anterior, o Aliança de Gandra entrou forte e pressionante na receção à formação de Santo Tirso. Os comandados de Mário Rocha chegaram à vantagem aos 25 minutos com o golo de Maurício.

Em superioridade no marcador, os homens da casa não desistiam de ampliar a vantagem, mas só o conseguiriam fazer no segundo tempo.

LEia a notícia completa na edição em papel de 26 de dezembro de 2019 ou subscreva a edição online.

Share This: