Família desalojada e bombeiro ferido após incêndio em Gandra

Publicado em Publicado por: O Paredense
Um bombeiro da corporação de Rebordosa sofreu ferimentos numa mão, embora sem gravidade.

Um bombeiro da corporação de Rebordosa sofreu ferimentos numa mão, embora sem gravidade.

Um incêndio numa habitação em Gandra, Paredes, na noite do passado domingo, dia 18 de fevereiro, deixou um casal e um filho menor desalojados e causou ferimentos ligeiros num bombeiro da corporação de Rebordosa.

O fogo começou por volta das 22 horas de domingo e só foi extinto já por volta da uma da manhã de segunda-feira. Foi combatido por 35 bombeiros de duas corporações do concelho, Baltar e Rebordosa, apoiados por nove viaturas.

“Foi necessário retirar as telhas da habitação para que o combate às chamas fosse mais eficaz”, sublinhou o comandante dos bombeiros voluntários de Baltar, Delfim Cruz, confirmando que o fogo se concentrou no isolamento do telhado.

 

Leia a notícia completa na edição em papel de 22 de fevereiro de 2018 ou subscreva a edição online.

Share This: