Catarina Furtado apresentou livro e fez palestra para alunos de Paredes

Publicado em Publicado por: O Paredense
Livro revela algumas das experiências vivenciadas pela autora nas ações de voluntariado que desenvolveu em Portugal e no mundo

Livro revela algumas das experiências vivenciadas pela autora nas ações de voluntariado que desenvolveu em Portugal e no mundo

Catarina Furtado apresentou, esta segunda-feira, 29 de maio, no auditório da  Casa da Cultura de Paredes, o livro da sua autoria “O que Vejo e Não Esqueço”. Fez em seguida uma  palestra para os alunos do 3.º ciclo do Agrupamento de Escolas de Paredes, que organizou o evento.

Em nota de imprensa a autarquia sublinha que esta palestra permitiu a apresentação do livro que relata as experiências vivenciadas pela autora, num ambiente de grande interação com a plateia, debatendo temas como o voluntariado, a descriminação e a educação.

Catarina Furtado é uma das apresentadoras de televisão mais famosas do país, com uma carreira de quase 25 anos. Decidiu agora partilhar em livro o porquê da sua atividade solidária e da sua inquietação permanente para com os outros, e porque procura apoiar sempre que pode quem mais precisa.

No livro “O que Vejo e Não Esqueço” Catarina Furtado revela casos de injustiça, de violação dos direitos humanos, principalmente com mulheres, raparigas e crianças. Conta as suas experiências tocantes em defesa dos mais fracos e necessitados nas suas viagens pelo mundo, da Índia à Indonésia, de Moçambique ao Haiti e também em Portugal.

A obra é ao mesmo tempo autobiográfica, já que recua às origens familiares e à infância da autora, revelando episódios até agora desconhecidos do público.

“Um livro inspirador que nos envolve na importância da solidariedade e do mundo do voluntariado, onde Catarina Furtado desenvolve ações, em Portugal e pelo mundo inteiro, como Embaixadora da Boa Vontade do Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA)”, acrescenta a nota de imprensa da autarquia.

Share This: