Carrinha a circular com animais mortos pendurados causa indignação

Publicado em Publicado por: O Paredense

Uma imagem de uma carrinha de uma cooperativa de distribuição de água de Parada de Todeia com animais mortos pendurados circulou ontem pelas redes sociais e gerou uma onda de indignação.

A viatura pertence à Cadopato – Coopertiva de Água Domiciliária de Parada de Todeia, responsável pelo abastecimento de água naquela freguesia.

Na fotografia aparecem três animais mortos pendurados por uma corda no tejadilho e retrovisor da viatura.

A imagem foi partilhada no Facebook pelo grupo IRA – intervenção e Resgate Animal, que denunciou o caso. “Penduram o animal pelo pescoço a uma carrinha da empresa e vangloriam-se pelas ruas como se tivessem salvo a humanidade de um pedófilo ou violador”, pode ler-se na página de facebook. A publicação já tem mais de 2,8 mil comentários e 4 mil partilhas.

Em declarações ao PAREDENSE, o presidente da junta de Parada de Todeia, Albertino Silva, diz que só teve conhecimento da situação ontem ao final da tarde, já depois da fotografia circular nas redes sociais.

Albertino Silva garante que tentou falar com o responsável da Cadopato, Armando Barbosa, que lhe terá dito que “era caçador há 40 anos e não via mal nenhuma naquilo que fez”.

“Desmarcamo-nos completamente desta situação. Uma coisa é caçar outra é exibir desta forma os animais”, sublinhou o autarca, garantindo que “a junta não se revê neste tipo comportamento”.

“A Cadopato é uma entidade independente que tem os seus próprios estatutos e as atitudes ficam para quem as pratica”, acrescentou.  

O PAREDENSE tentou contactar os responsáveis da cooperativa, mas sem sucesso.

Share This: