Baltarense José Coelho plantou uma das maiores abóboras do concelho

Publicado em Publicado por: O Paredense

Foi plantada em abril por José Coelho e é uma das maiores abóboras do concelho que vai participar, este fim de semana, no 1.º concurso internacional de hortícolas gigantes do país, “O Maior da Minha Aldeia”, promovido pela câmara municipal de Paredes.

O concurso decorre em Aguiar de Sousa e conta com 22 participantes, do concelho, mas também de Espanha e das regiões do Algarve e Alentejo.

O agricultor de 61 anos vai concorrer com uma abóbora que pesa mais de 350 quilogramas e o irmão, Fernando da Cunha Pereira, vai participar com outra que pesa mais de 315 quilogramas.

“Nesta altura, deve estar perto dos 400 quilos, mas só quando for para a balança é que vamos saber ao certo. Não deverá ser a maior do concurso, porque falam que os espanhóis têm abóboras a pesar perto de 800 quilos, mas será uma das maiores do concelho,” garante José Coelho.

Mesmo estando habituado a plantar todo o tipo de hortícolas, José Coelho diz que nunca tinha plantado uma abóbora que atingisse estas dimensões. E para o conseguir foi necessário muito trabalho e dedicação ao longo dos últimos seis meses. Além dos cuidados com a rega e o adubo, o baltarense teve de tapar as duas abóboras com tendas e panos para as proteger do sol e da chuva.

“A qualidade destas abóboras é diferente das que estamos habituados a plantar e a maneira de as tratar também. Cada pé só pode estar com uma abóbora para que ela possa crescer e chegar a este tamanho. Além disso, exige um trabalho diário “, conta o agricultor.

Esta sexta-feira durante o transporte dos hortícolas para o local do evento, José Coelho mostrou-se orgulhoso por ter conseguido levar os dois exemplares a concurso. “Houve muitos que tiveram de ficar pelo caminho porque as abóboras acabaram por abrir e por isso estou orgulhoso por ter conseguido. Mais até pelos engenheiros da câmara que sempre se mostraram muito interessados desde o início. Sem eles não tínhamos conseguido e sinto-me feliz por eles também terem alguma coisa para mostrar” sublinha.

Se José Costa  vencer entre os participantes do concelho, o dinheiro do prémio será para investir  na agricultura. Já a abóbora será doada à autarquia, para ser exposta em outros eventos na região.

Prémios variam entre os 200 e 1000 euros

O concurso “O Maior da Minha Aldeia” está integrado no projeto CÁ PAREDES, programa de desenvolvimento estratégico do sul do concelho, lançado pelo município com o objetivo de dar visibilidade aos produtores e às produções agrícolas locais e estimular o interesse das populações para a agricultura sustentável, contribuindo em simultâneo para conferir um maior dinamismo e atração ao território.

O concurso vai contar com produtores de abóbora, melancia e melão, sendo premiados os exemplares de maior dimensão: a maior abóbora receberá um prémio de 1000 euros, a melancia e melão 500 euros e o maior tomate 200 euros.

Os vencedores serão conhecidos no domingo, 22 setembro, na feira a realizar no Parque Natural da Senhora do Salto, em Aguiar de Sousa.

O fim de semana será dedicado também à gastronomia e música. No sábado haverá uma mostra de artesanato e produtos locais,  atividades de animação e espetáculos de música. No domingo, o certame encerra com um concerto musical do artista Saul, agendado para as 17 horas.

Share This: