25 de Abril assinalado com sessão solene e concerto da Banda de Vilela

Publicado em Publicado por: O Paredense

O Município de Paredes assinalou o 44.º aniversário da “Revolução dos Cravos” com a habitual sessão solene na câmara municipal de Paredes e um concerto da Banda de Música de Vilela no parque José Guilherme.

O presidente da Assembleia Municipal foi o primeiro a discursar na sessão solene, sublinhando as conquistas da revolução de Abril de 1974, que representou um momento de viragem para o país. Discursaram depois os representantes dos partidos com assento na assembleia municipal de Paredes.

A sessão solene encerrou com o discurso do presidente da câmara de Paredes, que lembrou alguns dos desafios que o país enfrenta atualmente, para combater a pobreza, as desigualdades e o desemprego jovem.

“É natural que após um longo e difícil caminho de 44 anos ainda tenhamos muito a fazer e conflitos sérios para resolver, como o conflito da desigualdade, da pobreza, das injustiças e da falta de empregos qualificados para os jovens. Mas também o conflito de muitas infraestruturas e equipamentos que continuam à espera de solução, como a rede de saneamento básico e de acessos com dificuldades em muitos locais do nosso concelho”.

A nível local, Alexandre Almeida defendeu que o primeiro grande desafio é a recuperação financeira do município. “Queremos e vamos ter uma câmara de boas contas. As empresas e os paredenses voltarão a confiar quando verificarem que estamos a gerir a câmara com rigor, transparência e inteligência”, sustentou.

Além de ter uma câmara de boas contas, Alexandre Almeida quer também dar resposta a alguns problemas graves, nomeadamente ao nível do parque escolar. “Mais do que apontar o dedo a tão pesada herança, fomos eleitos para resolver os problemas e é isso que estamos a fazer com muito trabalho e total dedicação”.

Após a sessão solene, foi projetado um vídeo da época com imagens da Revolução em Paredes e tirada a tradicional fotografia de grupo na entrada da câmara municipal.

 

Leia a reportagem completa na edição em papel de 3 de maio de 2018 ou subscreva a edição online.

Share This: